Frankie Chavez

“O que posso dizer das guitarras do Cândido Jacob? Posso dizer que são incríveis! Soam muito bem, são confortáveis, são robustas e ao mesmo tempo delicadas. Já experimentei lap steels (weissenborn e teardrop shape) e apesar de terem sons distintos (pois são instrumentos com formatos diferentes) nota-se claramente características em comum. Uma delas são os harmónicos prolongados. Experimentei também uma acústica (não me recordo do modelo) mas era uma guitarra folk muito bem equilibrada e com um som muito redondo. O detalhe com que o Cândido aborda a construção do instrumento é, a meu ver, muito peculiar. Utiliza apenas materiais orgânicos (não utiliza colas sintéticas, por exemplo); a escolha das madeiras não é feita de um modo aleatório: escolhe a madeira para determinado instrumento, tentando assim a combinação perfeita com vista a conseguir o melhor som. Toda esta metodologia confere aos instrumentos características únicas que apenas os luthiers que se envolvem com a sua arte conseguem atingir. Não tardará até que lhe peça para me construir um instrumento.”